terça-feira, agosto 16, 2005

To you ... you to !!


To you ... you to !! Posted by Picasa

- Sabes..., eu...

(…breve pausa…)

Acho que a pausa se perdeu na noite, e nessa mesma noite mais ninguém a conseguiu encontrar….
Apenas ouvidos e coração, para ver e sentir um poeta a declamar….

“Não é segredo que as estrelas estão a cair do céu
Não é segredo que o nosso mundo está mergulhado em escuridão esta noite
Dizem que o sol, às vezes é eclipsado pela lua
Sabes, não te vejo quando ela entra no quarto
Não é segredo que um amigo é alguém que te deixa ajudar
Não é segredo que um mentiroso não acredita em ninguém
Dizem que segredo é algo que contas a outra pessoa
Por isso te digo… criança…
…Não é segredo que a consciência, ás vezes, pode ser um incómodo
Não é segredo que a ambição rói as unhas do sucesso
Cada artista é um canibal, cada poeta um ladrão
Todos eles matam a inspiração e cantam a dor…”

Bono…


...



Acho que ainda não acordei…, acho que ainda estou a viver um sonho…, um sonho lindo, verde, pintado com a cor do coração da Irlanda…. Magia, foi tudo magia…, doce, suave e alucinante magia. Acho que nunca senti tanta coisa ao mesmo tempo…, foi tudo, a catedral, as cores, a lua envergonhada, as luzes, o brilho, o calor, os teus olhos e essa energia imensa e espantosa que imanas, a forma peculiar como algumas pessoas apreciam, foram as pessoas feitas uma só, foi Lisboa pintada de verde,…foi…, foi tudo….Foi o concerto mais espectacular (…ler inconcebível, inesquecível, indiscritível…) que eu vi até hoje…, por tua culpa eles ganharam, com o mérito e a honra que a magia pode ter, um lugar no meu coração (mais uma coisa que me dás, …já foram tantas…). Durante duas horas o tempo parou, deixou de ter importância…, apenas havia lugar a um som arrebatador, a um estar…, a um sentir…, a um ir mais além… Meu Deus, foi incrível….
Existe uma música deles que diz:

Like a song I have to sing,
I sing it for you.
Like the words I have to bring,
I bring them to you….

O concerto foi isto…, mas também foi muito mais. Uma delas, foi desejo…

“Amor, já deixei as ruas
Vou para o lugar onde as luzes brilham
Na grande cidade
Com uma guitarra vermelha, a arder
Desejo…”

Depois, ou antes, já não me lembro…,
mas eu acho que encontrei em Alvalade aquilo que eu procurava….

“…Tenho corrido, rastejado
Escalado os muros desta cidade
Só para estar contigo
Mas ainda não encontrei aquilo que procuro
Mas ainda não encontrei aquilo que procuro…”
...
Foi então que chegou um dos pontos altos da noite, quando a vi, quase que sentada no chão, uma menina que “destilando” vida,cantava em irlandês, com paixão e amor…, e como ela se movia misteriosamente…

“…Johnny, mergulha
Com a tua irmã na chuva
Deixa-a falar das coisas
Que não sabes explicar
Tocar é curar
Magoar é roubar
Se queres beijar o céu
É melhor aprenderes a ajoelhar-te… (ajoelha-te, rapaz!)…”

Depois dancei com quem não conhecia, uma música que deu nome as ruas que ficam lá em cima no céu…

“…Quero sentir a luz do sol a bater-me na cara
Ver aquela nuvem de poeira a desfazer-se sem deixar rasto
Quero abrigar-me da chuva de veneno
(No lugar) onde as ruas não têm nome…”

Foi com supresa, que ouvi uma voz do passado, que eu pensava que não tinha sido convidada…, tinhas cinco anos quando eles a cantaram pela primeira vez…

“…E eu quero estar contigo
Estar contigo noite e dia
Nada muda no Dia de Ano Novo
Eu estarei contigo outra vez…”

A primeira vez que dancei, nesta discoteca colossal, foi ao som de uma música que não me era nada estranha e que fez me lembrar outros tempos e outras pessoas…

“Um homem vem em nome do amor
Um homem vem e parte
Um homem vem para esclarecer
Um homem para derrubar
Em nome do amor
Que mais ainda em nome do amor…”

Esta foi dançada à sombra da grade (…fiel ajudante, aqui e muito acolá…), onde os ferros eram cordas imaginárias de uma guitarra ainda mais imaginária.
Esta música foi escrita no céu…

"…Através da tempestade alcançamos a costa
Tu dás tudo mas eu quero mais
E fico à tua espera
Contigo ou sem ti
Contigo ou sem ti
Eu não consigo viver
Contigo ou sem ti
(…)"

Entre tantas que tocou, só tive pena de não ouvir…

“…The trenches dug within our hearts,
And mother’s children, brothers, sisters torn apart
Sunday bloody Sunday
Sunday bloody Sunday…”

e…

Who’s gonna ride your wild horses?
Who’s gonna drown in your blue sea?
Who’s gonna ride your wild horses?
Who’s gonna fall at the foot of thee?

A lua estava lá, o estádio era o fim de um pontão que para ali me trouxera, as luzes o farol, as pessoas a areia, com o mar sonhava-se…, até que finalmente chegou o sol e abraçado a ti eu dancei com um anjo…, senti o teu corpo junto ao meu, o bater do teu coração..., as mãos fundiram-se e eu ... senti o teu rosto entrar no meu ..., de repetente parecia que o estádio estava vazio, apenas nós dois..., e alguém a cantar para nós dois, ali, num palco tão perto e ao mesmo tempo tão longe. Quase no fim cruzei o meu olhar com o dela..., e abracei-te com mais força...

“…Eu não sou o único
que fica parado a olhar o sol
com medo do que tu possas encontrar
quando olhas cá para dentro……
parado a olhar o sol
Não sou o único
Que fica contente por ficar cego…”

O fim estava perto mas não se sentia. Acho que não eras só tu que esperavas por esta música…, acho que fiz de propósito e sentei-me em cima da grade…, eu não queria só aprecia-la, queria também ver alguém a senti-la, porque eu sei o quanto de especial tem a “nossa música”. Porém, não estava preparado para aquilo que vi…, naquela noite, naquele momento, vi-te a “fazer amor” com uma música, a senti-la em cada movimento do teu corpo, agarra-la e delicadamente junto à grade, com a cabeça baixa, possui-la. Para matar a tua sede, bebeste cada som, cada letra…, inspiraste cada silaba como se daquele ar depende-se a tua vida….Nunca tinha visto os teus olhos tão acordados. Tu és mesmo uma alguém única. Tu és um anjo….
É pena que a música seja tão triste….

Um (ou uma)
“Não estás a melhorar !?!
Ou continuas a sentir o mesmo
Deixa-me facilitar a vida…, agora
Já tens quem possas culpar
E tu dizes…
Um amor,
Uma vida
E quando é um desejo, na noite
Um amor
Que nos dão para partilhar
Que te deixa querida
Não se importa
Desapontei-te !?!
Um pouco de sabor a fel na boca
Ages como se o nunca tivesses
E não precisas de ir agora
Mas já é, muito tardeJá é de noite
Para arrastar o passado para a luz
Somos um, mas não somos o mesmo
Acabamos por nos magoarPor nos magoar
Vieste aqui para que te perdoassem !?!
Vieste para dar vida aos mortos !?!
Vieste para fazer de cristo…
Para os leprosos na tua cabeça !?!
Será que pedi de mais !?!
Muito mais do que muito
Não me deste nada
E agora, é tudo o que eu tenho
Um…, mas não somos o mesmo
Acabámos então por nos magoar
E agora fazemos o mesmo
E tu dizes…
O amor é um templo
Amor divino amor
O amor é um templo
Amor divino amor
Perguntas-me se quero entrar
Mas depois fazes-me rastejar
E eu não consigo mais ficar a olhar
Para aquilo que tu tens
Quando tudo o que tu tens,
é apenas dor
Um amor
Um sangue
Uma vida…,
tens que fazer aquilo que devias
Uma vida, em comum
Irmãs, Irmãos
Uma vida, mas eles não são o mesmo
para a poderem, carregar juntos…, carrega-la juntos
Um…, uma…”
....
NOTA: Foi assim em 97... adorava ter estado ... em 2005 !!

26 comentários:

Segredos de veludo disse...

Para mim? ;) No "segredos" toca uma das antigas, mas que adoro.Continuação de boas férias! Beijinhos

Anónimo disse...

Pescador...um dos posts mais bonitos que aqui encontrei...sem deixar de gostar de qq um deles, é claro...mas este é mágico e tu sabe-lo...Adorei! A forma como exposeste todo o teu ser no momento em que as palavras te saltavam na excitação de algo que viveste...e possivelmente ainda vives...mesmo dentro de ti próprio. Um beijo...e to you...you to! U2 realmente uns dos melhores de sempre. Patrícia

Vivis disse...

Estava com saudade, Pescador!
Nas tardes estar aqui contigo, palavras suaves, doces... estou até a ouvir U2.
Bjos doces

Drops disse...

=) Em segunda mão, digo-te que foi o concerto do ano...

Também gostava que tivesses estado lá... teria resultado em mais um desabafo sublime =)

Beijo doce, regado com um cálice de sheridans e um sorriso

Drops

Hrrada disse...

U2... Que grande concerto deve ter sido... São uns "dinossauros" da música e uns senhores do mundo! Enfim... Sem palavras...

One love... ;)

mua*

Aran disse...

Mhmmm... U2! Bem 50 e tal mil pessoas no concerto... e fans de várias nacionalidades... incrivel, segundo as fontes de informação! Nunca foi a nenhum concerto deles... mas gosto! Uma lembrança bem marcante, pelo visto! beijinhos

Mily disse...

Na postagem anterior, disseste: "não gosto de falar dos meus sonhos"... Ah, meu querido amigo! E o que foi que fizeste na mensagem de agora? Embarcaste num sonho de anos atrás e trouxeste para nós, pobres mortais que não tivemos a suprema ventura de ter estado lá... toda a magia tecida em sua lembrança com as milhares de estrelas cadentes que nasceram naquela noite, com rasgos do luar que enfeitaram o céu naqueles momentos, com os fios da aurora que vistes chegar trazendo a paz para o coração e salpicando gotas de orvalho na imensidão das almas que ali estavam a cantar, a dançar, a sorrir, a sonhar... Foi isto que fizeste, meu lindo pescador... falaste talvez do teu mais lindo sonho, e nos fizeste nele entrar... e também sonhar! Deixo-te um beijo e um afago... tão pouco perto do que estou levando hoje daqui!!!

Charlotte disse...

Imagino o que este concerto significou para ti...
Constróis e esboças através de palavras e pessagens de letras, um post sem igual! Adorei assistir sob o teu olhar ao q deve ter sido esse magnifico e espectacular concerto!!!
É bom ter-te de volta;)Angel*
To you a big kiss****

Mirl disse...

Ai pescador, pescador que coisas mais bonitas que escreveste por aqui.
As saudades que eu tinha de visitar este mar =)

beijo* com cheiro a maresia (aquela que consegui trazer comigo dos algarves=))

Vanessa disse...

Quem me dera ter ido ver... :)

Beijinho*

H. disse...

quem me dera ter ido este ano... xi...

«hello hello!»

*

Aran disse...

Olá desaparecido! Cá para mim.... navegaste rumo a Cuba!!!! ;)

Pescador disse...

Veludo azul: Sim, para ti... para todas vós ;-) !! Ainda bem que gostas de U2 !! Eu simplesmente amo U2 !! Bjs doces, Pescador

Pescador disse...

Patrícia: "...algo que viveste...e possivelmente ainda vives..."
Vivi ... a muitos anos, quando o Pescador era de carne e osso, mais do que uma simples alma !! Bjs doces minha querida, Pescador

Pescador disse...

Vivis: E eu também..., hoje quando a amanhã chegar irei ter contigo, ao teu canto !!
Bjs doces minha querida Vi , Pescador

Pescador disse...

Vivis: E eu também..., hoje quando a amanhã chegar irei ter contigo, ao teu canto !!
Bjs doces minha querida Vi , Pescador

Pescador disse...

Drops: Não acredito, foste ver !?!? Bem tens que me mandar um mail só a falar do concerto, está bem ?!!?!?!? Teria sido giro estar lá ... perto desse desabafo sublime !!
Bjs doces meu anjo, Pescador !!

Pescador disse...

Hrrada: Olá miuda, então as férias foram boas !?!? Muitos mergulhos !?!? Espero que sim
e que tenhas voltadi imensamente inspirada !! Enfim, U2, sem palavras, apenas ouvidos !!
Bjs doces e one sea ;-) !!!
Pescador

Pescador disse...

Aran_aran: Sem dúvida uma lembrança deveras marcante , parte da história de
um Pescador !! Da próxima não podes perder... pois eu por certo que já não irei perder
mais nenhum !! Jinhos doces e ;-) !! Pescador

Pescador disse...

Mily: Fiquei sem palavras... entraste na minha alma, viste os meus sonhos !!
Adoro como tu escreves,sabias !?!? Minha querida Mily és um ... anjo !!
Os teus beijos e afagos são cheios de coisas boas, de coisas que me enchem alma e me fazem sorrir !! Obrigado ;-) !! Bjs doces Pescador

Pescador disse...

Charlotte: É bom estar de volta ... é bom saber que amizade é importante, é bom saber
que neste mundo, existem pessoas a quem eu posso chamar de amiga... pessoas especiais e únicas, pessoas doces e gentis ..., pessoas... como tu minha querida Charlotte !!
Bjs doces e imensamente carinhosos, Pescador

Pescador disse...

Mirl: Olá minha querida Mirl, é tão bom saber que estás aqui de novo... também eu andei uns dias
desaparecido.... mas já voltei,... ainda bem que gostaste ... e juro que irei guardar com imenso carinho, esse teu tão especial beijo .... !!! Bjs doces, Pescador

Pescador disse...

Vanessa: Já somos dois minha querida, dois .... Bjs doces e cheios de musica !! Pescador

Pescador disse...

Vanessa: Já somos dois minha querida, dois .... Bjs doces e cheios de musica !! Pescador

Pescador disse...

Lost in Space: Yes, yes,... já estou de volta ;-) !! Foste em 1997 ??? Há de haver outros !!
Bjs doces e envoltos em músicas dos U2 !! Pescador

Pescador disse...

Aran_aran: Voltei miha querida... quem me dera que tivesse por Cuba ;-) !! Bjs , Pescador