sexta-feira, maio 27, 2005

Aprendiz da Mar...


Aprendiz da mar... Posted by Hello

Houve um dia em que me ensinaste a olhar para a tua alma ...
nesse dia ... junto ao mar à sombra de um farol ,
disseste que o prazer era muito mais do que algo só nosso...

e ensinaste-me...

ensinaste-me
com o teu corpo a sentir o prazer que sente aquela com quem me deitava ... ,
e com a tua alma a juntar os dois..., o meu e o teu prazer ...

ensinaste-me....
que o corpo de uma mulher fala, pede, ama, chora e grita...,
e que o meu corpo era capaz de ler os sinais...,
sentir o teu orgasmo e o teu prazer como se fossem também meus ...

ensinaste-me ....

e eu aprendi ...
a senti-lo ...,
a ser capaz de saboreá-lo quando ele explodia em corpo alheio...,
a grita-lo em silêncio junto com o meu prazer...

Com o silêncio nos lábios ...
ensinaste-me,
a ler o rosto de uma mulher,
fazer das mãos os meus olhos,
pois cegos eles se deixavam ficar...

E metidos na mesma pele ensinaste-me que dois são um só...,
inimigos a gladiarem-se naquilo que só juntos poderiam vencer ...

Engraçado ...,
ainda me revejo em tudo aquilo que o teu silêncio me ensinou...,
em tudo aquilo que contigo sozinho aprendi ...
foram tantas coisas...
tantas ....
e quase todas já esqueci ....

10 comentários:

cris disse...

Caro pescador
Onde vais buscar tamanha inspiração para escreveres os teus poemas?
Outra pergunta: recebeste o meu mail?
Concluindo só posso dizer para continuares neste universo invisivel que é a blogosfera...Bom fim de semana
Cris

Patrícia disse...

E muito obrigado pela visita! serás sempre bem vindo! Aliás, tu tb tens um blog muito bonito, os teus textos deixaram-me babada! E a música de fundo...nem é preciso dizer mais nada pois não? Linda! Beijinhos!

Pescador disse...

Não são poemas ...,são quadros.. pinturas daquilo que me rodeia, da realidade que o Pescador prespectiva no mar por onde navega e vive..., po vezes auto-retratos da minha vida..., outras vezes a descrição da palavra que fica nos espaços brancos entre... as palavras !!! Sim, recebi o teu mail e preparo uma "retribuição"
;-) !!
Blogosfera..., talvez mais um passo que permita que um dia o Pescador volte de novo a ganhar vida !!
Bjs e um óptimo fim de semana !!

Charlotte disse...

Muitos não aprendem a linguagem do corpo e da alma de uma mulher. Só podes ser uma pessoa muito especial para compreenderes, respeitares e sentires ainda hoje no silêncio essa falta. Não esqueceste ela ainda está dentro de ti!
Bacio****

Aran disse...

Mhmm... magnificas palavras! Mas não esqueceste não, apenas estão adormecidas, e na memória ficaram para sempre... beijinhos

miuda disse...

isto é ...... é lindo como consegues transpôr sentimentos em palavras. bjs doces

curiosa paixao disse...

Pescador impossivel esquecer o que se aprendeu, o que se sentiu e o que se viveu. Como já aqui escreveram, tudo está apenas adormecido, à espera do momento certo de despertar. Curiosas beijocas

Pescador disse...

Patricia: Obrigado pelo elogio, e quando apetecer navegar ...., o teu Blog é espectacular, a fusão que tu fazes entre imagens e prosa é fantástica. Adorei..., mas tenho que ir lá mais vez !! Jinhos Pescador

Pescador disse...

Sim algo permanece adormecido dentro de mim...,
a espera de algo ou de alguém que o desperte...,
mas não ela...,
ela vive mas morreu ...,
e sim, muita coisa já foi esquecida..., e algumas talvez jamais voltarei a conseguir recordá-las..., talvez !!!

Cleopatra disse...

LIndo.
Mas não esqueças o que com ela aprendeste.
Ter o previlgio de aprender a sentir, a saborear é algo que não deve cair no esquecimento.